Quinta, 25 de Julho de 2024
19°

Tempo limpo

Hugo Napoleão, PI

Polícia ROUBO

Criminosos levam mais de R$ 37 mil de funcionário de empresa na porta de banco em Teresina

O caso foi registrado nesta segunda (07) na frente da agência do Itaú, Centro da capital

08/08/2023 às 10h15
Por: Marcos Genilson
Compartilhe:
Criminosos levam mais de R$ 37 mil de funcionário de empresa na porta de banco em Teresina

magens de câmeras de segurança flagraram nesta segunda-feira (07), um funcionário de uma empresa sendo vítima de uma “saidinha de banco”. O caso foi registrado por volta das 15 horas na agência do Banco Itaú da Rua Álvaro Mendes, no Centro de Teresina. 

O A10+ apurou que o trabalhador estava indo depositar um valor de aproximadamente R$ 37 mil, na companhia de um segurança da empresa, quando foi surpreendido. O vídeo mostra o suspeito chegando na porta do banco, junto com um comparsa em uma moto, momento em que aguarda a vítima sair do carro. Ele para na frente da agência e quando o funcionário da empresa se desloca sentido o interior do banco, ele aborda a vítima. 

O registro mostra que após perceber o crime, o segurança ainda tenta correr atrás dos suspeitos, mas eles fogem em destino ignorado na motocicleta. O A10+ levantou que a Polícia Militar foi acionada e repassou o informe para as equipes próximas das pontes. Diligências seguem sendo realizadas, mas até o momento a dupla não foi localizada.   

Saidinha de banco

A prática ocorre da seguinte forma: inicialmente, a vítima é selecionada, frequentemente por indivíduos conhecidos como "olheiros". Esses "olheiros" têm a responsabilidade de observar e identificar pessoas que tenham realizado saques bancários.

Após a identificação, sabendo que o cliente acabou de retirar dinheiro, o "olheiro" compartilha essa informação com seus cúmplices, geralmente localizados do lado de fora da agência. A tarefa desses cúmplices é simplesmente seguir a vítima, aguardando o momento certo para tomar o dinheiro dela. A vítima é então acompanhada até um ponto específico que ofereça menor risco para o criminoso abordá-la, muitas vezes nas proximidades imediatas do próprio banco.

Fonte: Portal A10+

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias